Discriminação Racial e suas consequências

Racismo consiste no preconceito e na discriminação com base em percepções sociais baseadas em diferenças biológicas entre os povos. Muitas vezes toma a forma de ações sociais, práticas ou crenças, ou sistemas políticos que consideram que diferentes raças devem ser classificadas como inerentemente superiores ou inferiores com base em características, habilidades ou qualidades comuns herdadas. Também pode afirmar que os membros de diferentes raças devem ser tratados de forma distinta.

Pesquisa na internet vêm várias formas de discriminação, pela cor, religião, time de futebol, politica, condição financeira e social, e com a vinda da pandemia está nascendo mais uma nova forma discriminação, a do COVID-19.

DISCRIMINAÇÃO RACIAL: Quando se fala de racismo, imediatamente lembramos dos negros, por terem uma história de sofrimento, logo pensam de uma forma erronia, o racismo é um pré-julgamento e isso pode acontecer contra os asiáticos, brancos, índios e inclusive os negros. Muitos acham que uma raça e superior a outra e que são até melhores, o racismo pode ter várias origens dependendo sempre da formação de cada um, podemos notar que quando somos crianças não pensamos em cor, status ou qualquer outra coisa, simplesmente querem se divertir e ser felizes, o despertar da discriminação ela aparece com o passar dos anos, e cabe aos pais grupos e pessoas que nos relacionamos no cotidiano  a moldar o nosso pensar, a discriminação as pessoas não herdam, não é genético, a ideia do racismo e o sentimento de preconceito muitas vezes ela vem da família, no trabalho, no grupo religioso, na escola, podem aprender a ser ou tornar-se preconceituosos e discriminadores em relação a povos e nações.

DESCONSTRUINDO A DISCRIMINAÇÃO RACIAL: como hoje podemos desconstruir a discriminação racial, com palestras, com fatos e com provas, que como diz na nossa constituição o Artigo 5º da Constituição Federal (CF) de 1988 conta com 78 incisos que determinam quais são nossos direitos fundamentais, como a Igualdade de Gênero, a Liberdade de Manifestação do Pensamento e a Liberdade de Locomoção, que têm como objetivo assegurar uma vida digna, livre e igualitária a todos os cidadãos de nosso País.

Podemos dizer, que cada ser humano é dotado de inteligência, de poder de aprendizado e de disputa de um cargo profissional, que pelo simples fato de serem pessoas, independentemente de raça, sexo, cor, língua, credo, opinião política, nacionalidade ou situação socioeconômica. E nessa concepção temos que olhar o seu próximo com um olhar com um olha de igualdade e que todos nós somos pessoas.

CONSEQUÊNCIAS: as consequências da discriminação racial e uma avalanche na vida da pessoa, seja ela adulta ou criança, o adulto de uma certa forma consegue desmitificar, embora muitas vezes a discriminação ela atinge a alma. Mas como explicar este tido de atitude a uma criança? Como explicar para ela que o coleguinha não gosta de sua cor, ou de sua condição social? Como não deixar esta exclusão discriminatória afetar a vida pessoal e o futuro? São questão que muitas vezes giram em nossa mente e não encontramos respostas. As consequências são inúmeras, depressão, alcoolismo, drogas, a agressão psicológica e moral que podem levar ao suicídio.

COMO EVITAR: A conscientização ela tem que começar desde cedo e mostrar que somos todos iguais, independentemente de qualquer coisa podemos lutar e conquistar nosso espaço.

Veja o relato da Dra. Fernanda de Kassia, de como ela como advogada super preparada nestas questões ela ficou sem chão quando o filho foi discriminado na escola. A impotência do ser humano diante de fato tão sério.

E com a vinda da pandemia está nascendo mais uma nova forma discriminação a do COVID-19, já houve muitos relatos em relação de pessoas que quando uma outra se aproxima, cortam caminho, se afastam e muitas vezes são hostilizadas, com a obrigatoriedade de manter o distanciamento social, todos ficam mais sensíveis e sentindo mais na pele a exclusão e insegurança, pessoal, financeira e profissional.

Por motivos de forma maior, temos que cobrir o rosto, vamos aprender a sorrir com os olhos, ser mais amigável, ser mais humano, vamos juntos vencer esta guerra, sem criar uma outra.

Vamos Desconstruir a Discriminação Racial e olhar para o próximo com igualdade.


Por Silvana de Oliveira:

Formada em Marketing e Marketing Digital, vice-presidente da Just Arbitration, Câmara de Mediação conciliação e arbitragem desde 2006, atuando em mediação familiar, direito condominial e imobiliário, em gestão e compliance, Práticas em Tratamento de Denúncias pela CGU, sindico profissional, colunista da revista aEmpreendedora e sócia do programa Encontro e Reencontros.


Não reproduza o conteúdo sem autorização do WorkingFreeLancer. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.