Antes de proibir obras, síndico precisa ter embasamento jurídico

O assunto, que já era problemático em um condomínio, ganhou um tempero a mais com a pandemia do coronavírus

Por Thais Matuzaki
O assunto, que já era problemático em um condomínio, ganhou um tempero a mais com a pandemia do coronavírus

realização de obras dentro das unidades privativas, neste atual momento de pandemia, é um ponto crítico para os síndicos.

De um lado, o morador que deseja ou necessita executar a reforma; do outro, o vizinho incomodado pelo barulho. Na mediação desse conflito, às vezes, está o síndico, que ainda precisa avaliar se é seguro liberar a entrada de pedreiros considerando o risco de contágio pelo coronavírus.

Antes do síndico tomar alguma atitude quanto à proibição ou não das obras, o advogado Márcio Spimpolo afirma que é necessário ter embasamento técnico. E o especialista faz suas orientações.

Assista!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.