Manutenção elétrica: por que e quando fazer?

Constantemente condomínios devem passar por manutenções e revisões. O que muita gente esquece é que assim como a manutenção hidráulica, o sistema elétrico dos condomínios também precisa passar por manutenção.

Não fazer revisões e manutenções pode aumentar os gastos do condomínio em algum momento que não estava previsto. Além de ser um risco à vida dos condôminos, que podem sofrer algum tipo de acidente, como incêndios e choques de alta voltagem;

Síndico é o responsável por garantir que essa manutenção seja feita, e é por isso que esse valor deve constar no planejamento financeiro anual que será aprovado em assembléia geral do condomínio.

Mas como saber se as instalações elétricas estão com problemas?

Alguns sinais de que existe algum tipo de problema com o sistema elétrico são: a frequente queda de energia elétrica, tomadas que esquentam muito, pequenos choques elétricos, queda do disjuntor e cheiro de queimado. Isso pode significar que houve dano nas instalações ou que a instalação já está velha.

Medidas para solucionar o problema

A primeira medida a ser tomada é pedir que um profissional especializado, faça uma primeira inspeção. Caso seja detectado um problema, é importante realizar a contratação de uma empresa que possa fazer todas as manutenções necessárias.

Muitas pessoas acreditam que a troca do disjuntor é suficiente para resolução do problema, mas na maioria dos casos, trocar os fios da instalação é uma ação mais assertiva.

Além disso, a manutenção preventiva é essencial para que esse tipo de problema não aconteça. Alguns especialistas dizem que é necessário, periodicamente a cada 5 anos realizar uma revisão na parte elétrica, dependendo de quanto tempo o prédio existe. Se esse existe a mais de 30 anos, o ideal é que toda a instalação seja trocada. Se o prédio for novo, é possível que a revisão seja feita apenas quando completar 10 anos.

A manutenção preventiva, como já dito anteriormente, pode trazer uma grande economia para o condomínio. Caso o seu condomínio não possua receita suficiente para incluir no planejamento esse investimento ou um possível gasto com problemas, por conta da quantidade de inadimplentes, é indicado que você procure uma garantidora de receita para condomínios. Assim você pode ficar tranquilo em relação a qualquer necessidade do condomínio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.